Conexão MT

As Notícias se Encontram Aqui!

Nick Cannon, ex de Mariah Carey, será pai pela 8ª vez

Nick Cannon, ex de Mariah Carey, será pai pela 8ª vez
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real CLICA AQUI

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O cantor e apresentador Nick Cannon, 41, confirmou nesta segunda-feira (31) que será pai pela oitava vez. Ele e a modelo Bre Tiesi, 30, descobriram que estão esperando por um menino no último sábado (29), durante o chá revelação feito em Malibu.


“Me sinto muito bem hoje. Estou em um momento positivo. Quero compartilhar esse momento lindo e extraordinário. Descobrimos que é um menino! Bre é a próxima mãe do meu filho. É estranho falar isso, mas tenho muitos filhos. Amo a todos e cada uma das minhas crianças é especial. Não há competição”, disse ele em seu programa.

O bebê é o primeiro filho de Tiesi, já Cannon tem outros sete filhos, com quatro mulheres diferentes. Com sua ex-mulher, a cantora Mariah Carey, 52, ele teve os gêmeos Moroccan e Monroe, de 10 anos. Já com a modelo Brittany Bell, ele é pai de Golden “Sagon”, 4, e Powerful Queen, 1.

O artista também é pai dos gêmeos Zion Mixolydian e Zillion Heir, de sete meses, de seu relacionamento com Abby De La Rosa, e também é pai de uma criança com a DJ Alyssa Scott, seu filho Zen, que faleceu com 5 meses de vida, em 5 de dezembro, após ser diagnosticado com câncer no cérebro em 2021.

“Tento ignorar coisas negativas, não sou de ficar ligando ou ouvindo para o que as pessoas falam de mim, mas isso afeta claro. É difícil às vezes, as pessoas acham que sou louco, irresponsável e egoísta. Tenho estado doente e fazendo terapia”, disse ele sobre a decisão de manter a gestação em segredo. “Não sabia quando era o momento de compartilhar. Meu filho mais novo morreu em dezembro”, completou.

Em agosto de 2021, o artista defendeu a poligamia e falou sobre ter filhos com diferentes mulheres em entrevista ao programa de rádio The Breakfast Club. Para ele, a ideia de ter uma pessoa para o resto da vida é “um conceito eurocêntrico”.

“Isso é apenas para classificar a propriedade, quando você pensa sobre isso e entra nessa mentalidade, a ideia de que um homem deveria ter uma mulher –nós não deveríamos ter nada”, disse. “Eu não tenho propriedade sobre essa pessoa”, completou o pensamento.

Comentários