Conexão MT

Notícias de Mato Grosso e do Mundo

CDL-VG realiza “Rodada de Negócios e Investimentos”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real CLICA AQUI

da assessoria

 

Oportunidade de acessar créditos e financiamentos de forma mais célere. Essa foi a pauta da “Rodada de Negócios e Investimentos”, realizada nos dias 24 e 25 de março pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Várzea Grande (CDL-VG) e que reuniu lojistas e pessoas interessadas em acessar recursos financeiros para iniciar ou reestruturar seu negócio próprio.

 

Para o presidente da CDL VG, Adauton Tuim, durante o evento foi feito apresentação de linhas de créditos que podem ser feitas por meio de fundos de investimentos, com valores finais próximos aos financiamentos pelos Fundo de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) e pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), levando em consideração os índices.

“Porém, nesse fundo, a proposta é que seja muito mais rápida para liberação dos valores e formato de investimentos, agilizando dessa forma para o empresário. Esse fundo está disponível apenas para solicitação de créditos acima de R$ 1 milhão. E quanto maior for o valor, mais prático para poder conseguir liberação, desde que tenha todos os requisitos cumpridos. É uma opção interessante para quem não quer ficar esperando”, afirmou Tuim.

O fundo de investimento apresentado é da Holanda e tem representatividade no Brasil. Consultora financeira há 29 anos, Altamira Coelho participou do evento como uma das convidadas e disse que a linha de crédito é uma possibilidade para quem tem urgência em abrir um negócio.

“Gostei do ouvi na apresentação. É uma linha de crédito viável. Tem um juro fixo um pouco mais alto, mas em compensação, um prazo maior para pagamento, de 120 meses até 240 meses. O início do pagamento, que a carência, é de seis meses e o mais importante: o recurso é liberado de 30 a 45 dias. Já no FCO nunca é menos de quatro meses e no BNDES de dois a três meses”, finalizou Altamira.

 

Comentários