Conexão MT

Notícias de Mato Grosso e do Mundo

Emicida e Planet Hemp substituem Foo Fighters e vão encerrar o Lollapalooza

Emicida e Planet Hemp substituem Foo Fighters e vão encerrar o Lollapalooza
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real CLICA AQUI

A organização do Lollapalooza anunciou que fará uma homenagem a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters morto nesta sexta (25), na noite deste domingo, no horário em que a banda de rock originalmente se apresentaria para encerrar o festival de música.


Subirão ao palco Budweiser, o principal do evento, às 20h30, o rapper Emicida e o grupo Planet Hemp, que convidaram DJ Nyack, DJ KL Jay, Criolo, Bivolt, Drik Barbosa e Rael para participar da homenagem.

Emicida, que fez um show solo no segundo dia do Lollapalooza, avisou aos presentes sobre o tributo minutos antes de os organizadores do evento publicarem a notícia nas redes sociais. Durante a apresentação, o rapper já havia feito uma dedicatória ao baterista americano, louvando a “música, energia, história, capacidade técnica, vibração” dos Foo Fighters.

Hawkins tinha 50 anos e foi encontrado sem vida em um hotel em Bogotá, na Colômbia, onde o grupo se apresentaria. Segundo autoridades do país, o músico tinha opioides no corpo e se queixou de dores no peito naquele mesmo dia.

Comentários