Conexão MT

Notícias de Mato Grosso e do Mundo

Nada muda, diz Kassab sobre decisão de Leite, reafirmando candidatura própria

Nada muda, diz Kassab sobre decisão de Leite, reafirmando candidatura própria
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real CLICA AQUI

Após o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, bater o martelo e afirmar que vai permanecer no PSDB, Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD, disse que “nada muda” e que sua sigla ainda terá uma candidatura própria para o Planalto nas eleições deste ano. Nas últimas semanas, o PSD vinha tentando atrair o governador do Rio Grande do Sul para participar da disputa.


“Quero desejar boa sorte ao Eduardo Leite, é um valoroso quadro, jovem, bem preparado, e não é fácil sua decisão de deixar o partido”, disse Kassab sobre o dirigente gaúcho, durante entrevista coletiva nesta segunda-feira (28).

O líder do PSD afirmou ainda que o partido “está muito tranquilo” com o anúncio de Leite, e que um novo candidato para corrida presidencial será apresentado em breve, mesmo com o prazo apertado para a decisão. Kassab não quis compartilhar qual nome está sendo sondado pelo partido.

Este é o segundo revés do PSD, que antes apostou na candidatura do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), para a corrida presidencial. O senador, no entanto, desistiu da disputa para concentrar esforços no comando do Congresso.

Kassab também negou que o partido esteja construindo qualquer acerto com o PT, mesmo que ele tenha dado sinalizações de apoio, alegando não ser impossível que isso acontecesse ainda no primeiro turno. “Você acredita nisso?” respondeu ao ser questionado sobre o tema, dizendo ser “evidente”, pelas ações do partido, como as sucessivas tentativas de lançamento de nomes ao Planalto, que ele não formou aliança com os petistas.

Sobre apoiar o PT no segundo turno, Kassab disse que, ao lançar uma candidatura, não pode “admitir que não estará no segundo turno”.

Comentários